Google is committed to advancing racial equity for Black communities. See how.

Atualizações do site

Esta página descreve as atualizações significativas do source.android.com.

Março de 2020

Janeiro de 2020

  • Android Flash Tool: permite que você atualize um build do Android no seu dispositivo, geralmente para desenvolvimento ou teste.

Dezembro de 2019

  • Pesquisa mais rápida no AOSP com o Code Search: o Code Search é uma ferramenta que permite ver o código-fonte em um navegador sem verificação, o que facilita navegar por referências nas ramificações.
  • Atualizações de suporte de longo prazo do kernel: atualizar os dispositivos regularmente com novos kernels com suporte de longo prazo (LTS na sigla em inglês) pode ajudar a lidar com possíveis vulnerabilidades de segurança não reconhecidas. Como esse processo pode ser complexo, descrevemos as etapas básicas para ajudar você a dar os primeiros passos.
  • Estação de Teste Android: os desenvolvedores e engenheiros de teste podem usar a Estação de Teste Android para executar conjuntos de testes Android padrão, como o CTS.

Novembro de 2019

Setembro de 2019

O Android 10 foi lançado. Para analisar todas as adições ao site, consulte as notas da versão do Android 10.

O Documento para definição de compatibilidade (CDD, na sigla em inglês) do Android 10 está disponível aqui.

Agosto de 2019

  • Visão geral do sistema de compilação Soong: o sistema de compilação Soong foi introduzido para substituir o GNU Make. Ele fornece a flexibilidade necessária para builds do Android, mas requer certa adaptação ao uso. Consulte a nova visão geral para saber detalhes.
  • Repetição automática de teste da Trade Federation: você pode configurar a Tradefed para realizar repetições de teste automaticamente. O recurso de repetição automática executa novamente apenas os testes com falha, economizando bastante tempo.
  • Confirmação protegida pelo Android: foram publicadas diretrizes para a elaboração e implementação da Confirmação protegida pelo Android. Ela usa uma interface do usuário protegida por hardware chamada "Trusted UI" para facilitar a alta confiabilidade para transações críticas.

Julho de 2019

  • Testes de instrumentação da Trade Federation: foram publicadas instruções para instalar um APK de testes de instrumentação, executar os testes e exibir aqueles que estão em execução.
  • Downloads da Trade Federation: agora você pode encontrar instruções para o download de binários do arcabouço de testes da Trade Federation (TF), evitando a necessidade de criar o framework por conta própria.

Junho de 2019

  • Instruções do sistema de compilação Soong: a seção de compilação foi aprimorada com instruções e arquivos de referência do Soong, além de ter sido reorganizada para separar os detalhes do controle de origem necessários posteriormente.

Maio de 2019

  • Reorganização do site: a antiga seção ART agora se chama Ambiente de execução para transmitir mais claramente o assunto dos conteúdos. Os títulos das páginas foram simplificados e padronizados em todo o site. Além disso, as guias e seções vinculadas agora apresentam visões gerais:
  • Instruções da Trade Federation: agora você pode encontrar instruções precisas de desenvolvimento e testes para o arcabouço de testes da Trade Federation, bem como uma descrição detalhada da arquitetura subjacente do arcabouço. Além disso, adicionamos informações sobre a criação automática de registros e a execução de testes com vários dispositivos.

Março de 2019

  • Retrospectiva de segurança: a equipe de segurança do Android publicou a própria Retrospectiva 2018. Esse relatório abrangente descreve as medidas que o Android e o Google tomam para manter os usuários protegidos.
  • Novos builds de kernel: origens recentes de kernel podem ser adquiridas usando repo e ser criadas sem outras configurações ao executar build/build.sh pela raiz da saída da origem.

Fevereiro de 2019

  • Requisitos mais simples: os requisitos de software para a criação do Android foram bastante simplificados, com as instruções para versões mais antigas movidas para uma página distinta que também se vincula ao Docker para facilitar a instalação.
  • Simpleperf: links de avaliação de desempenho para documentação sobre a ferramenta essencial Simpleperf referente à criação de perfil de processos nativos e CPU Profiler para inspecionar o uso de CPU do app.

Agosto de 2018

Este é o site revisado do Android Open Source Project (AOSP). À medida que nosso site cresceu, nós reorganizamos a navegação pela documentação da plataforma para acomodar melhor as informações novas e atualizadas.

Consulte as subseções abaixo para ver um guia das principais mudanças. Consulte as Notas da versão para ver resumos de recursos, atualizações e inclusões. Envie seu feedback registrando bugs em g.co/androidsourceissue ou clicando no link Enviar feedback sobre o site (links em inglês) no rodapé de qualquer página do site.

Segundo menu horizontal

A alteração mais abrangente é a introdução de um segundo menu horizontal de guias na navegação do site para expor melhor as páginas mais profundas. Agora, em vez de menus de navegação à esquerda contendo dezenas de entradas, cada subguia contém uma pequena lista de seções e páginas diretamente relevantes para o tópico associado identificado na subguia.

Observe que ainda não atualizamos os caminhos de diretório e os URLs da documentação já existente para evitar corromper favoritos e links externos. Com o tempo, faremos essas mudanças e instituiremos os redirecionamentos adequados. Por isso, visite novamente o site para ver novos locais e atualize os favoritos ao encontrar as mudanças.

De "Configuração" para "Configurar"

A guia Configuração principal foi renomeada para Configurar, de modo a manter a consistência com os verbos usados nas guias primárias subsequentes. Os conteúdos de Fazer o download e Compilar foram divididos em subguias distintas para facilitar o acesso às páginas que eles contêm. A subseção Desenvolver agora é a subguia Criar, para evitar confusão com a nova guia superior Desenvolver.

As informações antes encontradas na página Compatibilidade > Fale conosco foram movidas para a lista principal Configurar > Contato (Comunidade).

De "Compatibilidade" para "Design"

As informações antes encontradas na guia superior Compatibilidade agora podem ser encontradas em Design. Consulte a subguia Compatibilidade para ver uma visão geral desse programa e encontrar links para o novo Documento de definição de compatibilidade do Android (CDD, na sigla em inglês).

Em uma mudança relacionada, as instruções para o Teste de compatibilidade do Android (CTS, na sigla em inglês) e as informações gerais de depuração foram movidas para a nova subguia Testes. As diretrizes dos menus Exibir e Configurações foram deslocadas para subguias dedicadas.

De "Portabilidade" para "Desenvolver"

A guia Portabilidade foi renomeada como Desenvolver para transmitir melhor as instruções contidas nela. Focada principalmente na implementação de interfaces individuais, essa documentação ajuda você a escrever os drivers necessários para conectar seu dispositivo ao sistema operacional Android.

Como resultado, a seção Arquitetura, que descreve o formato HIDL abrangente, foi movida para a guia Design para que possa ser analisada durante a fase de planejamento, nos primeiros estágios do ciclo de desenvolvimento. O conteúdo de Carregador de inicialização agora está em Design > Arquitetura, e a subguia Interação contém Entrada, Sensores e informações relacionadas.

A seção Conectividade foi reorganizada para incluir as subseções Bluetooth e NFC, Chamadas e mensagens, Operadora e Wi-Fi. Além disso, a seção Wi-Fi inclui estes novos artigos:

De "Ajuste" para "Configurar"

A guia Ajuste foi renomeada como Configurar para abranger mais do que as etapas de personalização e otimização. A antiga subseção Administração de dispositivos agora pode ser encontrada em Empresa. O conteúdo de ART e Dalvik está em ART, e as informações de Atualização over the air (OTA) estão em Atualizações.

Dezembro de 2017

O Android 8.1 foi lançado. Consulte as entradas abaixo para ver os principais recursos da plataforma apresentados nessa versão.

AAudio e MMAP

AAudio é uma API de áudio que tem melhorias para reduzir a latência quando usada junto com uma camada de abstração de hardware (HAL, na sigla em inglês) e um driver compatível com MMAP. Consulte AAudio e MMAP para ver uma documentação que descreve a HAL e as alterações de driver necessárias para oferecer compatibilidade com o recurso MMAP da AAudio no Android.

Alterações na configuração do ART

No Android 8.1, a opção do makefile WITH_DEXPREOPT_BOOT_IMG_ONLY foi removida do Android Runtime (ART) e substituída pela opção WITH_DEXPREOPT_BOOT_IMG_AND_SYSTEM_SERVER_ONLY, que pré-otimiza os arquivos JAR do servidor do sistema, bem como o caminho de classe da inicialização. Consulte Como configurar o ART para ver o aviso de suspensão de uso.

Medições de segurança de desbloqueio biométrico

O Android 8.1 apresenta duas novas métricas associadas a desbloqueios biométricos destinadas a ajudar os fabricantes de dispositivos a avaliarem a segurança com mais precisão: a Taxa de aceitação de impostor e a Taxa de aceitação de spoof (IAR e SAR, respectivamente, na sigla em inglês). Consulte Como medir a segurança de desbloqueio biométrico para ver exemplos de ataques e da metodologia de teste.

Otimizações do tempo de inicialização

A partir do Android 8.1, a configuração de economia de energia para componentes como o controlador de CPU e UFS pode ser desativada para melhorar os tempos de inicialização do dispositivo. Consulte Como otimizar o tempo de inicialização para ver as configurações init.*.rc.

Gerenciamento de cores

O Android 8.1 adiciona compatibilidade com o gerenciamento de cores para proporcionar uma experiência consistente em todas as tecnologias de tela. Os apps executados no Android 8.1 podem acessar os recursos completos de uma ampla gama de exibição (WCG) para aproveitar ao máximo a tela do dispositivo. Consulte Gerenciamento de cores para ver as instruções sobre como implementar, personalizar e testar esse recurso.

Simplificação da configuração do OpenGLRenderer

No Android 8.1 e versões posteriores, apenas a propriedade ro.zygote.disable_gl_preload se aplica à configuração do OpenGLRenderer. Todas as outras propriedades foram removidas. Consulte Configuração do OpenGLRenderer para ver o aviso e as propriedades compatíveis anteriormente.

Modo de demonstração na loja facilitado

Com o Gerenciador da política de dispositivos, o Android 8.1 é compatível com a demonstração das funcionalidades do dispositivo em lojas por meio de uma função do usuário de demonstração. Consulte Modo de demonstração na loja para ver as instruções de implementação.

TEXTCLASSIFIER

O Android 8.1 introduz a API TextClassfier, que usa técnicas de aprendizado de máquina para ajudar os desenvolvedores a classificar o texto. Consulte Como implementar classificação de texto para ver instruções de implementação.

Regras de fuso horário

O Android 8.1 fornece um mecanismo para que os fabricantes de dispositivos (OEMs) possam enviar dados de regras de fuso horário atualizados para os dispositivos sem exigir uma atualização do sistema. Esse mecanismo permite que os usuários recebam atualizações em tempo hábil e que os OEMs possam testar as atualizações de fuso horário independentemente das atualizações da imagem do sistema. Consulte Regras de fuso horário para ver as instruções sobre como aplicar essas atualizações.

Wi-Fi Aware

O recurso Wi-Fi Aware do Android 8.1 permite que dispositivos compatíveis se conectem diretamente uns aos outros por Wi-Fi sem precisar de acesso à Internet ou à rede celular. Esse recurso permite o compartilhamento fácil de dados de alta capacidade entre dispositivos confiáveis e apps que estão fora da rede. Consulte Wi-Fi Aware para ver exemplos, arquivos de origem e links para outros documentos.

Novembro de 2017

A seção Origem foi renomeada como Configuração. Há redirecionamentos em vigor para garantir que os URLs antigos ainda funcionem.

Setembro de 2017

Este site foi lançado na China em source.android.google.cn. Todos os materiais que não são de referência estão traduzidos para o chinês simplificado para facilitar o uso.

Agosto de 2017

O Android 8.0 foi lançado. Esta seção descreve os principais novos recursos da plataforma Android 8.0.

Arquitetura

Treble

O Android 8.0 é compatível com o Treble, um dos principais recursos de rearquitetura do framework do SO Android, projetado para fazer com que seja mais fácil, rápido e barato para os fabricantes atualizarem os dispositivos para uma nova versão do Android. A documentação inclui detalhes sobre a linguagem de definição de interface HAL (HIDL, na sigla em inglês), uma nova HAL ConfigStore, sobreposições de árvore de dispositivos, o Kit de desenvolvimento nativo de fornecedor (VNDK, na sigla em inglês), Objetos de interface de fornecedor (VINTF, na sigla em inglês), requisitos de kernel modular e a Infraestrutura e Pacote de teste de fornecedor (VTS, na sigla em inglês).

Compatibilidade com FunctionFS

FunctionFS (FFS) é uma função de gadget USB projetada e controlada por meio do espaço do usuário. A compatibilidade dela permite que todo o código específico de função e protocolo permaneça no espaço do usuário, enquanto todo o código de transporte USB permanece no kernel. Usar FFS move a implementação do protocolo de transferência de mídia (MTP, na sigla em inglês) para o espaço do usuário.

No lado dos frameworks, a maioria das principais mudanças está na classe MtpServer. A interface do driver USB foi refatorada em duas classes diferentes, uma que usa o driver antigo do kernel e outra que usa FFS. O MtpServer pode usar essa interface de driver sem os detalhes da implementação. O driver da FFS grava os descritores USB em um arquivo quando o servidor é inicializado. Em seguida, ele grava os dados em arquivos de endpoint de forma semelhante ao uso do driver do kernel.

Melhorias de kernel para depuração LLDB/C++

A versão do Android 8.0 inclui melhorias do kernel que ajudam os desenvolvedores a criar apps melhores, melhorando a experiência de depuração deles. Para mais informações, consulte Melhorias de kernel para depuração LLDB/C ++.

Aumento da proteção do kernel

No Android 8.0, foram lançados recursos e ferramentas de aumento de proteção do kernel para encontrar bugs nos drivers do kernel. Para ver mais informações, consulte o Aumento da proteção do kernel.

Como otimizar o SquashFS no nível do kernel

O SquashFS é um sistema de arquivos compactado somente leitura para Linux, adequado para uso na partição do sistema. As otimizações neste documento ajudam a melhorar o desempenho do SquashFS. Para ver mais informações, consulte Como otimizar o SquashFS no nível do kernel.

ART e Dalvik

Teste de fuzz

O AOSP oferece um novo pacote para testes de fuzz para testar a infraestrutura do Android Runtime (ART). O JFuzz, novo conjunto de ferramentas, e um DexFuzz melhorado (links em inglês) estão disponíveis diretamente no AOSP, acompanhados por uma documentação.

Nada é necessário para implementar ou usar as novas ferramentas. Você pode fazer alterações nas ferramentas, se necessário, da mesma forma que já pode fazer alterações no tempo de execução/compilador.

Arquivos VDEX: melhorar o desempenho da atualização do sistema

Os arquivos VDEX melhoram o desempenho e a experiência do usuário das atualizações de software. Os arquivos VDEX armazenam arquivos DEX pré-validados com dependências do verificador para que, durante as atualizações do sistema, o ART não precise extrair e verificar os arquivos DEX novamente. Esse recurso é ativado por padrão. Para desativar o recurso, defina a variável de ambiente ART_ENABLE_VDEX como false.

Melhorias no desempenho do ART

O Android Runtime (ART) foi melhorado significativamente na versão do Android 8.0. Este documento resume as melhorias que os fabricantes de dispositivos podem esperar no ART. Para ver mais informações, consulte Melhorias no desempenho do ART no Android 8.0.

Atualizações OTA A/B do Android

Essa atualização responde a perguntas comuns que os fabricantes de dispositivos têm sobre as atualizações (ininterruptas) do sistema A/B do Android. Para ver mais informações, consulte as perguntas frequentes sobre atualizações A/B.

Automóveis

Gerenciamento de conexão Bluetooth

O Android 8.0 fornece gerenciamento de conexão Bluetooth em sistemas de infoentretenimento no veículo (IVI, na sigla em inglês) para uma experiência do usuário perfeita com o Bluetooth. Para ver mais informações, consulte Gerenciamento de conexão Bluetooth.

Bluetooth HFP compatível com vários dispositivos

A conectividade Bluetooth compatível com vários dispositivos permite que os usuários conectem vários dispositivos a perfis de telefonia em um IVI Bluetooth do Android Automotive. Para mais informações, consulte Conectividade Bluetooth compatível com vários dispositivos.

HAL da câmera veicular

Descreve o design de uma pilha do sistema de visualização externa (EVS, na sigla em inglês) e fornece a especificação HAL para ser compatível com a aquisição e apresentação de dados da câmera do veículo. Para mais informações, consulte HAL da câmera do veículo.

Bluetooth

Consulte a Visão geral do Bluetooth atualizada.

Verificação e depuração de Bluetooth

Para ver mais detalhes sobre como verificar e depurar a pilha Bluetooth nativa, consulte Verificação e depuração.

Serviços Bluetooth

O Bluetooth oferece vários recursos que ativam serviços principais entre dispositivos, como streaming de áudio, chamadas telefônicas e mensagens. Para ver mais informações, consulte Serviços Bluetooth.

Publicidade BLE

O Bluetooth 5 é compatível com diferentes modos de anúncios de dados para Bluetooth de baixa energia, incluindo maior largura de banda ou maior alcance. Para ver mais informações, consulte Publicidade do Bluetooth de baixa energia.

Codecs de áudio compatíveis com Bluetooth

A versão Android 8.0 inclui compatibilidade com codecs de áudio de alta definição do Bluetooth. Para ver mais informações, consulte Codecs de áudio avançados.

Câmera

Recursos essenciais da câmera

A versão do Android 8.0 contém estas melhorias principais do serviço de Câmera: superfícies compartilhadas, que permitem que várias superfícies compartilhem a mesma API OutputConfiguration System para modos de câmera personalizados e onCaptureQueueEmpty. Para ver mais informações, consulte Compatibilidade da versão da câmera.

Configuração

Funcionalidades de ambiente

Essas funcionalidades permitem que os processos do Linux descartem a maioria dos privilégios de root, mantendo o subconjunto de privilégios de que precisam para executar a própria função. As funcionalidades de ambiente permitem que os serviços do sistema configurem recursos nos arquivos .rc, reunindo toda a configuração em um único arquivo. Para ver mais informações, consulte Funcionalidades de ambiente.

Requisito de lista de permissões privilegiadas

A partir do Android 8.0, todos os apps privilegiados precisam ser incluídos de forma explícita na lista de permissões nos arquivos XML de configuração do sistema no diretório /etc/permissions. Se isso não ocorrer, o dispositivo será inicializado, mas a implementação do dispositivo não passará no CTS. Para ver mais informações, consulte Lista de permissões privilegiadas.

Como implementar a HAL de USB

A versão do Android 8.0 move o gerenciamento de comandos USB do scripts init para um daemon USB nativo para oferecer melhor configuração e confiabilidade de código. Para ver mais informações, consulte Como implementar o HAL de USB.

Conectividade

Como personalizar o comportamento do dispositivo para usuários desbalanceados

Dispositivos Android sem balanceamento de dados permitem a passagem de tráfego de rede, exigindo que as operadoras e empresas de telecomunicações implementem protocolos de mitigação. Esse recurso implementa uma solução genérica que permite que as operadoras e empresas de telecomunicações indiquem quando um dispositivo está desbalanceado. Para ver mais informações, consulte Como personalizar o comportamento do dispositivo para usuários desbalanceados.

Depuração

Como ativar limpadores no sistema de criação do Android

Limpadores são componentes de instrumentação baseados em compiladores que são usados durante o desenvolvimento e teste para identificar bugs e melhorar o Android. O conjunto atual de limpadores do Android pode descobrir e diagnosticar bugs de uso indevido de memória e comportamento indefinido potencialmente perigoso. Para ver mais informações, consulte Limpadores LLVM.

Recuperar dispositivos em ciclos de reinicialização

O Android 8.0 inclui o recurso Grupo de resgate, que oferece ajuda de recuperação quando percebe que os principais componentes do sistema ficaram presos em ciclos de falha. O grupo de resgate passa por uma série de ações para recuperar o dispositivo. Para ver mais informações, consulte Grupo de resgate.

storaged

O Android 8.0 inclui compatibilidade com o storaged, um daemon nativo do Android que coleta e publica métricas de armazenamento em dispositivos Android. Para ver mais informações, consulte Como implementar o storaged.

Tela

Controle de tráfego aéreo para janelas flutuantes

O Android 8.0 introduziu o Controle de Tráfego Aéreo (ATC, na sigla em inglês) para janelas flutuantes a fim de simplificar e unificar a forma como os apps são exibidos sobre outros apps. Todo o necessário para usar esse recurso está incluído no AOSP.

O ATC permite que os desenvolvedores criem um novo tipo de camada/janela flutuante (gerenciado) para os apps usarem para exibir janelas sobre outros apps. Esse recurso exibe notificações contínuas para todos os apps usando uma camada flutuante que permite ao usuário gerenciar a janela de alerta.

O Teste de compatibilidade do Android (CTS, na sigla em inglês) confirma que:

  • os tipos de janela de alerta atuais são: TYPE_PHONE, TYPE_PRIORITY_PHONE, TYPE_SYSTEM_ALERT, TYPE_SYSTEM_OVERLAY e TYPE_SYSTEM_ERROR;
  • os apps destinados ao SDK do Android 8.0 não podem usar os tipos de janelas acima para exibir janelas sobre outros apps. Em vez disso, eles precisam usar o tipo de janela TYPE_APPLICATION_OVERLAY;
  • os apps destinados a SDKs mais antigos ainda podem usar os tipos de janela atuais. No entanto, as janelas são ordenadas em z abaixo das novas janelas TYPE_APPLICATION_OVERLAY;
  • o sistema pode mover ou redimensionar as janelas na nova camada para reduzir a sobrecarga;
  • os fabricantes de dispositivos mantêm a notificação que permite aos usuários controlar o que é exibido sobre outros apps.

Como iniciar atividades em telas secundárias

Telas virtuais estão disponíveis para todos e não requerem nenhum hardware especial. Qualquer app pode criar uma instância de tela virtual. Na versão do Android 8.0, as atividades podem ser iniciadas nessa tela virtual se o recurso associado estiver ativado.

Para oferecer compatibilidade com recursos que usam várias telas, siga um destes procedimentos:

  • Usar um método compatível existente para conectar dispositivos secundários.
    Em dispositivos Nexus e Pixel, o Google Cast e telas virtuais dentro de apps são compatíveis. A compatibilidade com outros métodos depende da compatibilidade com o driver do kernel para cada caso específico (como MHL ou DisplayPort via USB-C) e da implementação total de definições de interface relacionadas a telas na HAL HardwareComposer (IComposerCallback.hal e IComposerClient.hal).
  • Criar um hardware novo.

Cada uma dessas opções pode exigir compatibilidade com SoC ou OEM. Por exemplo, para ativar o DisplayPort via USB-C, a compatibilidade com o hardware (SoC) e o software (drivers) é obrigatória. Pode ser necessário implementar drivers para que o hardware seja compatível com a conexão de telas externas.

A implementação padrão permite iniciar pilhas de atividades em tela cheia em telas secundárias. Você pode personalizar as pilhas e a IU do sistema, bem como o comportamento em telas secundárias.

Compatibilidade com dicas genéricas

O Android 8.0 permite que os desenvolvedores forneçam nomes de ação descritivos e outras informações úteis ao passar o cursor sobre os botões e outros ícones. Os fabricantes de dispositivos podem estilizar os pop-ups de dicas. O layout é definido em android/frameworks/base/core/res/res/layout/tooltip.xml.

Os OEMs podem substituir o layout ou alterar as dimensões e parâmetros de estilo dos equipamentos dele. Use apenas texto e mantenha o tamanho razoavelmente pequeno. Esse recurso é implementado inteiramente dentro da classe View, e há testes de CTS bastante exaustivos que verificam muitos aspectos do comportamento das dicas.

Compatibilidade com proporção ampliada

O Android 8.0 inclui o atributo de manifesto maxAspectRatio, que permite que uma atividade ou um app especifique a proporção máxima compatível. O maxAspectRatio substitui a tag de metadados anterior por uma API de primeira classe e permite que os dispositivos sejam compatíveis com uma proporção maior que 16:9.

  • Se uma atividade ou um app for redimensionável, permita que a atividade preencha a tela.
  • Se não for possível redimensionar uma atividade ou um app, ou se a plataforma forçar o redimensionamento da atividade, permita que a janela do app seja expandida até a proporção máxima, de acordo com o valor de maxAspectRatio.
    • Para apps em dispositivos que executam o Android 8.0, o valor padrão é a proporção do dispositivo atual.
    • Para apps em dispositivos que executam versões anteriores do Android, o valor padrão é 16:9.

Ícones adaptáveis

O recurso "Ícones adaptáveis" mantém os ícones em uma forma consistente no dispositivo, mas varia de um dispositivo para outro com apenas um recurso de ícone fornecido pelo desenvolvedor. Além disso, os ícones são compatíveis com duas camadas (primeiro e segundo planos) que podem ser usadas para oferecer uma experiência visual. Para ver mais informações, consulte Como implementar os ícones adaptáveis.

Modo noturno

O "Modo noturno", introduzido no Android 7.0.1, permite que os usuários reduzam a quantidade de luz azul que a tela emite. O Android 8.0 oferece aos usuários maior controle sobre a intensidade desse efeito. Para ver mais informações, consulte Como implementar o Modo noturno.

Picture-in-picture

O Android 8.0 inclui compatibilidade com "picture-in-picture" (PIP) em dispositivos Android portáteis. O PIP permite que os usuários redimensionem um app com uma atividade em andamento, como um vídeo, para exibição em uma janela pequena. Para ver mais informações, consulte Picture-in-picture.

Melhores interações de tela dividida

O recurso "Várias janelas" permite que vários apps sejam exibidos simultaneamente nas telas do dispositivo dos usuários. O Android 8.0 melhora o modo padrão de tela dividida compactando a parte superior e redimensionando a tela de início se um usuário tocar em Início depois de entrar na tela dividida. Para ver mais informações, consulte Interações de tela dividida.

Adicionar widgets/atalhos

Uma nova API no Android 8.0 permite que os desenvolvedores de apps adicionem atalhos e widgets de dentro do app, em vez de depender da bandeja de widgets. O uso do método anterior de adicionar atalhos enviando uma transmissão foi suspenso por motivos de segurança. Para ver mais informações, consulte Widgets/atalhos.

Download e criação

Melhorias na cadeia de ferramentas LLVM do Android

Os OEMs que quiserem usar nossos conjuntos de ferramentas/ferramentas mais recentes precisarão garantir que o código privado seja compilado com êxito com os conjuntos de ferramentas atualizadas. Isso pode exigir que eles corrijam problemas existentes no código com comportamento indefinido. E, é claro, eles podem usar qualquer ferramenta que preferirem para compilar o próprio código.

Eles precisarão garantir que o código esteja livre de comportamentos indefinidos (usando ferramentas como o UBSan) para que ele seja menos suscetível a problemas causados por conjuntos de ferramentas mais novos. Todas os conjuntos de ferramentas sempre são atualizados diretamente no AOSP. Tudo estará disponível muito antes do OC ser enviado, então os OEMs já precisam começar a se adaptar.

Consulte a documentação do Clang/LLVM públicos (link em inglês) para ver instruções gerais e veja o conjunto de documentação do Clang/LLVM do Android (também em inglês) no AOSP para ver orientação específica para o Android. Por fim, entre no grupo público android-llvm para receber ajuda e participar do desenvolvimento.

DRM/KMS

DRM/KMS na versão 4.9 do kernel do Linux

O framework Direct Rendering Manager (DRM)/Kernel Mode Setting (KMS) usado pelo Android é desenvolvido e mantido pelos desenvolvedores de kernel do Linux. O Android é uma mescla do kernel do Linux. Ao se fundir a partir do nosso kernel comum, os fabricantes de dispositivos automaticamente adquirem o framework DRM/KMS.

O DRM/KMS se tornou viável na versão 4.9 do kernel do Linux, e o Android recomenda fortemente que os parceiros OEM usem o DRM/KMS a partir dessa versão do kernel. O Atomic Display Framework (ADF), que é o framework de exibição compatível oficial com o Android no momento, não será mais compatível nas versões 4.9 e posteriores do kernel comum do Android. Em vez disso, o Android será compatível com o DRM/KMS a partir dessa versão. Os OEMs podem continuar usando o ADF (ou qualquer outro framework), mas o Android não será compatível com eles no kernel comum do Android.

Para implementar o DRM/KMS, é preciso escrever seus próprios drivers usando o DRM/KMS, além de mesclar o framework do DRM/KMS com o kernel comum do Android.

Armazenamento de chaves

Keymaster 3

O Android 8.0 atualiza o Keymaster, a HAL de armazenamento de chaves, ampliando as funcionalidades de armazenamento de chaves por hardware em dispositivos Android. Isso se baseia nas atualizações do Android 7.1.2 para o Keymaster 2. Para ver mais informações, consulte Keystore protegido por hardware.

Melhorias na segurança

Substituto inseguro da versão de TLS removido de HttpsURLConnection

O substituto inseguro da versão do protocolo TLS/SSL é uma solução alternativa para implementações com bugs da negociação de downgrade do protocolo TLS em alguns servidores. Ele é vulnerável ao POODLE. Quando o Chrome 45 suspendeu o substituto inseguro, em setembro de 2015, menos de 0,01% dos servidores o utilizavam. Para melhorar a segurança no Android 8.0, o substituto inseguro da versão do TLS foi removido de HttpsURLConnection. Para ver mais detalhes, consulte esta postagem do blog (em inglês).

Para testar esse recurso em dispositivos com o Android 8.0, execute este caso de teste do CTS:

cts-tradefed run cts -m CtsLibcoreOkHttpTestCases

Desempenho

Gerenciamento de flash wear

O gerenciamento de flash wear no Android Automotive descreve o comportamento do eMMC e os novos recursos para ajudar os OEMs a reduzir o risco de falha do eMMC no ambiente automotivo.

Otimização dos tempos de inicialização

A otimização dos tempos de inicialização fornece orientação para melhorar os tempos de inicialização de dispositivos Android específicos.

Resumos de tarefas

"Resumos de tarefas" é a infraestrutura introduzida no Android 8.0, que combina capturas de tela para miniaturas recentes e superfícies salvas do "Gerenciador de janelas" para economizar memória. Para ver mais informações, consulte Resumos de tarefas.

Periféricos

Serviços de impressão padrão

Um serviço de impressão é um app que descobre e apresenta impressoras para o framework de impressão de um dispositivo. Nas versões anteriores do Android, os usuários precisavam procurar e instalar serviços de impressão de terceiros para poder imprimir.

O Android 8.0 inclui um serviço de impressão padrão em platform/packages/services/BuiltInPrintService/, que permite aos usuários utilizar impressoras modernas sem precisar instalar outros apps. Essa implementação é compatível com impressoras que usam o Internet Printing Protocol (IPP) para se comunicar com a impressora e usam PCLm, PWG-Raster ou PDF para enviar conteúdo para impressão. No caso de impressoras mais antigas, os usuários terão que instalar o app recomendado pelo pacote PrintRecommendationService, conforme informado nesta apresentação do I/O.

Atualizações de referência

A seção Referência foi adicionada à navegação superior. Como parte do lançamento do Treble, uma seção de referência de HIDL foi adicionada. A documentação de referência da Trade Federation e da HAL de legado foi atualizada.

Menu Config.

Configurações: padrões e componentes

No Android 8.0, o menu Config. ganhou vários componentes e widgets que abrangem os usos comuns. Para ver mais informações, consulte Padrões e componentes.

Configurações: arquitetura de informações atualizada

O Android 8.0 apresenta uma nova arquitetura de informações para o app Config. A meta dela é simplificar a maneira como as configurações são organizadas e facilitar para os usuários a tarefa de encontrar rapidamente as configurações necessárias para personalizar os dispositivos Android. Para ver mais informações, consulte Arquitetura de informações.

Configurações personalizadas

O app Config. fornece uma lista de sugestões para os usuários, incluindo uma classificação para sugestões, com base em qualquer sinal contextual ou nas interações anteriores do usuário com sugestões. Para ver mais informações, consulte Configurações personalizadas.

O Android 8.0 adiciona mais recursos de pesquisa ao menu Config. Este documento descreve como adicionar uma configuração e garantir que ela seja devidamente indexada em Config. Para ver mais informações, consulte Pesquisa universal.

Armazenamento

Estatísticas de armazenamento mais rápidas

O Android 8.0 aproveita a compatibilidade da cota do sistema de arquivos ext4 para retornar estatísticas de uso do disco quase instantaneamente. Para ver mais informações, consulte Estatísticas de armazenamento mais rápidas.

Abril de 2017

Apresentamos o novo source.android.com. O site foi reformulado para facilitar a navegação, a pesquisa e a leitura do crescente grupo de informações. Aqui está um resumo das melhorias.

Mais espaço na tela, maior tamanho da fonte

Todo o site está mais amplo, permitindo que você veja mais conteúdo de uma só vez. Amostras de código e comandos estão mais visíveis, e todo o texto foi ampliado.

Visualização otimizada para dispositivos móveis

O novo site é renderizado de forma mais limpa em dispositivos portáteis, com uma visualização dedicada aos dispositivos móveis.

nova visualização em dispositivos móveis
Figura 1. Nova visualização do site em dispositivos móveis.

Guias superiores

A antiga guia Dispositivos foi renomeada para "Portabilidade", enquanto a subguia Tecnologias essenciais foi renomeada para "Ajustes" e movida para a parte superior do site para maior exposição.

Segurança na vanguarda

Com um foco cada vez maior em segurança no Android, a guia Segurança foi movida para a frente (ao lado de Origem) para refletir a importância desse tema.

Materiais de referência melhores

Os materiais de referência de HAL e Trade Federation estão disponíveis diretamente na guia superior Referência.

Você pode acessar o repositório de códigos do AOSP (em inglês) com apenas um clique no botão IR PARA O CÓDIGO, no canto superior direito de todas as páginas.

Rodapés completos

Além dos rodapés Sobre, Comunidade e Termos legais já existentes, agora você encontra uma lista completa de links na parte inferior de todas as páginas para criar no Android, se conectar ao ecossistema e procurar ajuda para usar o sistema operacional.